sábado, 29 de novembro de 2014

Viver é a coisa mais rara do mundo, a maioria das pessoas apenas existe




Li esta frase atribuída a Oscar Wilde, mas sei ser este um pensamento partilhado por muitos por esse mundo fora. E eu levanto o meu dedinho...
Sim, viver verifica-se ser uma coisa rara, onde o existir como formiguinha atarefada no meio do formigueiro é o que abunda. Nada contra a formiguinha trabalhadora, que nos dá exemplos sem igual para a vida. Mas é bom ter consciência do que somos, do que temos, do que significamos, do que tem significado. É bom pensar e observar. Para mim, viver é muito. Mas, muito do viver para mim, é isto: é observar a natureza nos seus pormenores e estar atenta ao bater do seu coração, para tentar sintonizar com o dela o meu.
Bom fim de semana!

8 comentários:

  1. Também penso como tu! Viver é isso mesmo! Lindo! bjs,chica

    ResponderEliminar
  2. Concordo contigo, sempre busco equilibrio na natureza!
    bjss

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E voltamos sempre melhores, não é? Bom... Beijos.

      Eliminar
  3. Bom dia!
    Acho que temos de ser o melhor da formiguinha e o melhor da cigarra!
    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ter, temos; conseguir é que já é outra história... Beijinhos.

      Eliminar
  4. Absolutamente verdadeiro! Uma boa semana, bjinho, Manuela

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma boa semana também para si, Manuela. Que tudo lhe sorria. Beijinhos.

      Eliminar