sábado, 30 de dezembro de 2017

Feliz Ano Novo!




Nos últimos dias do ano escrevo de um café frio mas com vista soalheira para o jardim traseiro do meu prédio. A vida sabe-me a lã, revistas rurais, agenda por iniciar e projectos por pôr em prática. A vida sabe-me a despedida do velho ano e a abraço do novo. Estou pronta para o receber, num ritual que só o meu coração conhece.
Se antes não dava importância à passagem do ano porque, na realidade, é apenas a transição de mais um dia para outro dia, como nos restantes dias; actualmente, talvez devido à idade, sinto o peso reconfortante da transição, da passagem, do recomeço.
Um novo ano vai começar, um novo ciclo a estrear. E que ele venha com tudo de bom, com todas as aprendizagens e consequente gratidão. Porque disso faz parte a vida. No mais, reconfortemo-nos com aquilo que nos faz bem e com a natureza que Deus colocou ao nossos dispor. 
Um 2018 muito abençoado para todos!


11 comentários:

  1. Tudo que nos faz bem deve ser bem cultivado e valorizado!Feliz 2018 e tuuuuuuuuuudo de bom em cada dia dele! beijos, chica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ena, com esses votos, vai ser um ano em cheio, de certeza! Obrigada, Chica - já o disse no post anterior, mas volto a dizê-lo :) Beijo grande e feliz 2018!!

      Eliminar
  2. Passando para te desejar uma boa entrada de
    ano.
    Abraços.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agradeço e retribuo os votos :) Beijo grande.

      Eliminar
  3. Respostas
    1. ... de tudo... de bom, de preferência! Mas eu sei que a tua intenção é a melhor :) Agradeço e retribuo. Que 2018 te traga o melhor!

      Eliminar
  4. Que venha 2018! carregadinho de coisas boas!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá! Acreditas se eu te disser que tenho pensado muito em ti?! Muito obrigada pela tua presença. Agradeço e retribuo o desejo de um 2018 carregadinho de coisas boas! Beijo grande.

      Eliminar
  5. Oi minha flor!!!
    Voltei!!!
    Obrigada pela msg que deixaste lá no blog!
    A correria dos últimos meses foi muito grande, mas espero que tudo se acalme daqui para frente!
    Gosto desta transição também, mesmo sabendo que nada vai mudar de um dia para o outro, ou seja, do último dia de uma ano para o orimeiro do outro.
    Mas deixei de gostar de festejar as viradas de anos por conta dos fogos de artifício, que tanto sofrimento traz para os animais domésticos e silvestres.
    Fora isso, duvido que alguém nunca tenha feito uma promessa, nunca tenha traçado metas para o novo ano.
    Eu tracei metas, mentalizei, por enquanto, mas pretendo passá-las para o papel.
    E que tenhamos todos, um novo ano de muita paz, muitas realizações, planejadas ou não, e muito respeito a todas as diferenças e ao meio-ambiente, ou seja, à vida!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bravo! Aplaudo de pé as tuas palavras, Tiane. Um 2018 cheiinho de coisas boas para ti, e que continuemos a ser companhia e incentivo neste mundo virtual :) Beijo grande.

      Eliminar